14 de set de 2009


CARTA AOS JOVENS

Amados jovens,

Permitam-me dizer uma verdade a vocês: “Eu, Dom Orione, amo a cada um de vocês e, o amor é tão forte, que toda a minha vida foi doada ao serviço de vocês.”
Não se deixem enganar pelas mesquinharias do tempo, pelas propostas sedutoras que levarão vocês a desacreditar da vida, pelos falsos ídolos criados pelo sistema e pela máquina consumista. Vocês são “pessoas” e não “robôs”. Vocês são “Homens” e não “máquinas”. Coragem!
Sigam sempre em frente e para o alto com o espírito de fé e com o coração aberto na maior confiança em Deus e no fazer sempre o bem a todos. “SOMENTE A CARIDADE SALVA”.
Espero que não sejam daqueles jovens catastróficos que pensam que o mundo terminará amanhã, que tudo vai mal e que tudo anda ruim. Não se deixem levar pelo pessimismo.
A corrupção e o mal moral são enormes, as injustiças para com os mais fracos são gritantes, mas tenho comigo que Deus vencerá através de vocês, contando com o coração jovem, disponível e aberto para com a caridade.
Creio nas potencialidades e na capacidade crítica de vocês. Ai! do jovem que não formar uma consciência crítica, será levado como gado para o matadouro. “Será um Maria vai com as outras”.
Compreendo as revoltas de vocês diante das injustiças do mundo de consumo e das dominações sobre os fracos e miseráveis. Creio no entusiasmo de lutar pela mudança de uma nova sociedade: que seja mais humana, justa e fraterna...
Coragem! Meus amados jovens! Carreguem com vocês o meu lema:
“O JOVEM SERÁ O SOL OU A TEMPESTADE DO AMANHÔ.
Olhem para dentro de vocês e busquem viver aquilo que vale a pena viver. Jesus de Nazaré ensine vocês a crescer no amor e no bem e que sejam transformados, cada dia, em sol e luz do mundo.
“A CARIDADE NÃO FECHA AS PORTAS”.

Do amigo dos Jovens,
Dom Luís Orione